O que é nukers e como remove-lo

Linas Kiguolis - - atualizado | Digite: Nukers
12

Um nuker é um programa malicioso muito semelhante a um cavalo Trojan. Estes programas são maioritariamente utilizados para transportar uma carga útil destrutiva e efetuar variadas modificações do sistema adicionando ou removendo ficheiros importantes do mesmo. Ao fazê-lo, podem afetar o desempenho geral do computador e diminuir a sua velocidade para o mínimo. Tenha em atenção que alguns tipos de nukers são capazes de destruir computadores e levá-los à perda de informação sensível. Um nuker típico pode também ser usado pelo hacker para atacar um sistema de um computador visado para abrandá-lo, encravá-lo, reiniciá-lo ou desligá-lo. Alguns parasitas são também capazes de apagar todo o sistema e ficheiros aplicativos, formatar o disco rígido e mesmo representar um perigo para certas componentes de computador.

Atividades causadas por esta ameaça quando entra no sistema:

A infiltração da maioria dos nukers pode dificilmente ser detetada e desativada antes de começar a correr a sua carga útil. Uma vez terminada, resulta em instabilidades gerais do sistema, falhas frequentes do computador, reinícios inesperados e encerramentos. Além disso, a maioria dos nukers podem levar as suas vítimas à perda completa ou parcial da sua informação valiosa, dados pessoais e outros ficheiros sensíveis. Tenha em atenção de que podem apagar totalmente todos os ficheiros do seu disco rígido, destruir todo o sistema operativo e instalar software adicional, que é considerado malicioso.

Quando dentro do computador, a maioria dos nukers causa atividades perigosas:

  • Várias modificações do sistema. Estas ameaças conseguem adicionar valores de registo, ficheiros e outras componentes. Podem tentar desativar aplicações específicas e instalar as necessárias.
  • Destruição de todo o sistema do PC. Os Nukers são capazes de corromper, substituir ou eliminar vários ficheiros instalados no sistema. Podem também destruir componentes críticos, eliminar os seus ficheiros e pastas essenciais e ainda formatar cada uma das drives do seu disco rígido.
  • Negação do Serviço (DoS) e ataques semelhantes. Estas ameaças facilmente podem iniciar vários ataques de rede contra o computador remoto especificado.
  • Danificar componentes relacionadas com hardware essencial. Tal ameaça pode alterar várias configurações de hardware ou limpar a memória CMOS. Pode também causar reinícios de sistema indesejados, desligar a máquina ou encravá-la de acordo com as suas necessidades.
  • Sem função de desinstalação. Os nukers são programas de computador seriamente perigosos que não podem ser removidos do sistema com o auxílio da desinstalação. Tipicamente, escondem-se em segundo plano, utilizando ficheiros que parecem legítimos e dependem de outras artimanhas que são supostas ajudarem-nas a esconderem-se no sistema o maior tempo possível.

Métodos utilizados pelos nukers para infiltrarem-se nos computadores:

No que diz respeito a técnicas de infiltração, os nukers têm-se propagado com a ajuda de worms, trojans e outras ameaças. Para infetarem o sistema, podem facilmente explorar as suas vulnerabilidades de segurança e infiltrar o computador sem a aprovação do utilizador. Algumas versões dos nukers precisam de saber apenas o endereço IP do computador visado para atacar ou infetá-lo. Uma pequena parte destas ameaças tem de ser instalada manualmente.

Aqui estão as principais formas utilizadas por estas ameaças para entrar no sistema despercebidas:

1. Vulnerabilidades de segurança. A maioria dos nukers infiltra-se explorando vulnerabilidades de segurança do sistema operativo do computador visado. Tais parasitas não têm assistente de instalação e não requerem qualquer aprovação do dono do computador afetado. Uma parte dos nukers pode ser monitorizado através de PC’s dos hackers e não necessitam de ter componentes virais instaladas na máquina visada.

2. Outros vírus. Os nukers podem também ser instalados no sistema com o auxílio de outros parasitas, como worms, trojans, backdoors e vírus. Podem infetar o sistema visado sem o conhecimento do utilizador e tentar afetar todos os que utilizam o computador comprometido.

Os mais “famosos” exemplos de nukers:

Os nukers são ameaças cibernéticas raras que partilham funcionalidade idêntica. Os seguintes exemplos ilustram o comportamento típico do nuker.

O nuker The Click está programado para efetuar um ataque de Negação de Serviço (DoS) contra um computador específico conectado à Internet. Tal ataque normalmente faz com que o sistema afetado pare de responder ou reinicie inesperadamente sem pedir permissão ao utilizador. Como resultado, o utilizador pode perder qualquer trabalho que não tenha sido gravado antes do início do ataque.

O WinNuker infeta computadores remotos definidos pelo hacker explorando conhecidas vulnerabilidades de segurança do Windows. Cria silenciosamente ficheiros virais e modifica o registo, para que a ameaça corra em cada início de sistema. Uma vez executado, o WinNuker corre uma carga útil, que leva o computador comprometido a falhar.

O BadLuck, também conhecido como Belnow, é um nuker extremamente perigoso que pode ser remotamente controlado pelo atacante. Elimina executáveis e ficheiros de sistema essenciais, documentos de web e texto. O BadLuck corrompe o registo de Windows e limpa o CMOS (o que pode danificar gravemente o computador comprometido). O atacante pode utilizar o nuker para exibir mensagens irritantes e efetuar outras ações maliciosas.

Remover o nuker do sistema com o auxílio de software anti-spyware:

Os nukers funcionam da mesma forma que infeções cibernéticas normais, como trojans, anti-spyware trapaceiro, ransomware e outros vírus. Assim sendo, a maioria dos seus componentes pode dificilmente ser removida manualmente pois estão escondidas dentro do computador e mascaradas sob diferentes nomes. A maioria dos nukers pode ser encontrado apenas com o auxílio de anti-spyware conceituado. Neste caso, recomendamos altamente que selecione um deste programas: Reimage, Plumbytes Anti-MalwareWebroot SecureAnywhere AntiVirus. São considerados removedores de spyware avançados repletos de funções avançadas, como scanners profundos de sistema e extensas bases de dados de parasitas.

Se não consegue remover um nuker do seu computador com a ajuda destes programas, deverá saber que existe uma enorme possibilidade de estar a lidar com uma versão avançada desta ameaça que foi atualizada antes da base de dados do seu anti-spyware ser preenchida com novos ficheiros. Neste caso, deverá adicionar a sua questão à página Ask us e esperar pela resposta dos especialistas em segurança da 2-spyware.

Nós pode ser ligados com qualquer produto que recomendamos no site. Divulgação em nosso acordo de utilização completa.
Ao baixar qualquer software Anti-spyware fornecido concorda com a nossa Política de privacidade e acordo de utilização..
faça agora!
Baixe
Reimage (software de remoção) Felicidade
garantida
Baixe
Reimage (software de remoção) Felicidade
garantida
Compatível com Microsoft Windows Compatível com OS X

O que fazer se falhou?
Se falhou na remoção da infeção utilizando o Reimage, submeta uma questão à nossa equipa de apoio e providencie o maior número de detalhes possível.
Reimage é recomendado desinstalar software. Scanner gratuito permite que você verifique se o seu PC está infectado ou não. Se você precisar remover malwares, você tem que comprar a versão licenciada do Reimage ferramenta remoção de malware.

Mais informações sobre esse programa podem ser encontradas em Reimage revisão.

Mais informações sobre esse programa podem ser encontradas em Reimage revisão.
Impressões de em Reimage
Impressões de em Reimage

Últimos Vírus Adicionados à Base de Dados

Base de dados de Nukers

Janeiro 09, 2017

Super PC Cleaner

Como pode o Super PC Cleaner violar o seu computador? O vírus Super PC Cleaner não é uma infeção cibernética típica, nem sequer um verdadeiro vírus. Leia mais
Janeiro 09, 2017

Vírus ransomware Amagnus@india.com

Nova variante do Dharma, vírus ransomware Amagnus@india.com, propaga-se rapidamente O vírus Amagnus@india.com é uma variante do ransomware Dharma, que parece ser um vírus Crysis melhorado. Leia mais
Janeiro 09, 2017

Vírus ransomware CryptoLockerEU

Mais uma cópia do velho CryptoLocker: o ransomware CryptoLockerEU O vírus CryptoLockerEU é apenas outro exemplo de um vírus ransomware que utiliza um nome modificado de um velho e bem conhecido vírus ransomware. Leia mais
Dezembro 27, 2016

UltraDeCrypter

UltraDeCrypter: muda com o ransomware CryptXXX? Recentemente, os peritos em segurança cibernética descobriram que o vírus CryptXXX  modificou o design da interface de utilizador no seu site de pagamento bem como renomeou o seu desencriptador para UltraDeCrypter. Leia mais
Dezembro 21, 2016

ADSRV

Quão perigoso é o vírus ADSRV? Programado especificamente para fins de angariação de dinheiro, o vírus ADSRV entra nos computadores dos utilizadores sem notícia prévia e transporta consigo actividades não autorizadas. Leia mais
Dezembro 20, 2016

Vírus ransowmare Aesir

Vírus Aesir é outra versão do famoso ransomware Locky O ransomware Aesir é a prova de que os programadores do vírus Locky estão motivados a atualizar o seu perigoso malware. Leia mais
Dezembro 20, 2016

Vírus ransomware GoldenEye

Ransomware GoldenEye: somente para os seus ficheiros Se segue as novidades no campo IT, o vírus GoldenEye não deverá ser um fenómeno surpreendente. Leia mais
Dezembro 19, 2016

Vírus ransomware Osiris

Locky renascido: ransowmare Osiris faz a sua aparição O vírus Osiris opera como uma nova versão do famoso malware encriptador de ficheiros Locky, nomeado como o deus Egípcio. Leia mais
Dezembro 19, 2016

Anúncios HotShoppy

Porque preciso de ter cuidado com os anúncios HotShoppy? Os anúncios HotShoppy são notificações patrocinadas que pessoas sem experiência na rede podem achar interessante. Leia mais
Dezembro 05, 2016

Vírus ransomware Zzzzz

O sinistro ransomware Zzzzz na caça de dados O vírus Zzzzz poderá indicar que todos os seus ficheiros estão no “modo sono”. Leia mais

Informações atualizadas: 2016-11-11

Ler noutras linguagens

Ficheiros
Software
Compare
Goste de nós no Facebook